quarta-feira, 12 de dezembro de 2018

terça-feira, 11 de dezembro de 2018

Socioeducandos da Funase fazem Enem nesta terça-feira e quarta-feira em Pernambuco

Adolescentes e jovens da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) realizam, nesta terça (11) e na quarta-feira (12), as provas do Exame Nacional do Ensino Médio para Pessoas Privadas de Liberdade (Enem PPL). As avaliações serão aplicadas nas unidades de internação e de semiliberdade da instituição em todo o estado, de forma simultânea com o restante do Brasil. Ao todo, 137 socioeducandos farão o exame, 59,5% a mais que o total de participantes da Funase na edição de 2017. 

Acidente entre ônibus, caminhão e carro deixa três pessoas mortas em Caruaru, PE

Um acidente de trânsito envolvendo um ônibus, um caminhão e um carro de passeio deixou três pessoas mortas e onze feridos na BR-232, no trecho conhecido como Serra das Russas, no sentido Caruaru-Recife, na noite dessa segunda-feira (10). De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o ônibus levava mais de 50 passageiros de volta a Olinda. O motorista do coletivo perdeu o controle da direção, batendo em um carro de passeio e logo após, em um caminhão de carga. 

Cantores sertanejos homenageiam Bolsonaro em Brasília

Em um almoço fora da agenda oficial, oferecido por empresários e um grupo de 30 cantores e duplas sertanejas no Clube do Exército, o presidente eleito, Jair Bolsonaro, exaltou nesta terça (11) a importância desse estilo musical para a cultura brasileira e lembrou que o som caipira marcou momentos de sua vida. Ele ficou ao lado de Amado Batista e confessou ser encantado com a canção Amor à Primeira Vista. A música fala de um homem apaixonado que teme revelar seu amor. “Chegamos até aqui.

Atirador de Campinas trabalhou como auxiliar da Promotoria de SP

A Polícia Civil informou que Euler Fernando Grandolpho, de 49 anos, é o autor dos disparos na Catedral Metropolitana de Campinas, que deixaram mortos e feridos nesta terça-feira (11). Ele era morador de Valinhos, cidade vizinha a Campinas. Euler foi servidor concursado do Ministério Público do Estado de São Paulo, atuando como auxiliar de Promotoria I, na Comarca de Carapicuíba, região metropolitana de São Paulo. O Ministério Público de São Paulo informou que ele pediu exoneração do cargo em 3 de julho de 2014. O perfil de Euler em uma rede social, sem postagens, informa que ele estudou no Colégio Técnico da Unicamp e na Unip, em Campinas.

Tiroteio na França deixa um morto e seis feridos

Um tiroteio na noite desta terça-feira (11), no centro de Estrasburgo, cidade no leste da França, deixou pelo menos um morto e seis feridos, segundo a Prefeitura. De acordo com a mesma fonte, o autor da ação fugiu. "Tiroteio no centro de Estrasburgo. Agradeço que todos fiquem em casa até que a situação seja esclarecida", havia tuitado antes Alain Fontanel, vice-prefeito da cidade. 
AFP

Pai expulsa filho de casa após flagrar jovem fazendo sexo com vizinho em Caruaru, PE

Um pai de 38 anos resolveu expulsar o próprio filho de casa após flagrar o rapaz fazendo sexo com o seu vizinho dentro da residência da família no bairro Centenário, em Caruaru no agreste de Pernambuco. A confusão começou após o pai chegar e ver o filho, um rapaz de 18 anos, transando com um pedreiro de 27 anos. De acordo com informações de uma prima do rapaz ao L19, era comum o pedreiro frequentar a casa da família, mais no último final de semana, um flagrante mudou todo o cenário.

Operação mira 'mesada' da JBS a Aécio, compra de imóvel e apoio político

A operação Ross, que cumpre nesta terça (11) mandados de busca e apreensão em imóveis ligados ao senador Aécio Neves (PSDB-MG), à irmã dele, Andréa Neves, ao deputado Paulinho da Força (SD-SP) e a empresas que teriam emitido notas frias investiga suposta propina de R$ 128 milhões paga pela JBS para o tucano e seu grupo de 2014 a 2017. Nesse valor estão pagamentos suspeitos de terem servido para comprar apoio político para Aécio na eleição presidencial de 2014, envolvendo partidos como o Solidariedade e o PTB, uma "mesada" de R$ 50 mil mensais paga ao tucano pela JBS por meio da rádio Arco Íris, de propriedade da família dele, e a aquisição superfaturada de um imóvel do jornal Hoje em Dia, em Belo Horizonte, por R$ 17 milhões, supostamente a pedido do senador.

Em 24 horas, 78 supostas vítimas de João de Deus procuram MP de Goiás

Apenas 24 horas após anunciar, por meio da imprensa, a criação de um endereço eletrônico para receber denúncias de supostas vítimas de crimes sexuais atribuídos ao médium João de Deus, o Ministério Público de Goiás (MP-GO) já foi contactado por 78 mulheres. O e-mail denuncias@mpgo.mp.br foi uma das medidas anunciadas na segunda (10), pelos promotores que integram a força-tarefa criada pelo MP estadual para apurar as acusações que não param de surgir desde que os primeiros casos vieram a público em um programa de televisão, exibido na sexta-feira (7).

Atirador mata quatro pessoas dentro de igreja em Campinas, SP

Quatro homens foram mortos e outras quatro pessoas foram feridas a tiros na Catedral Metropolitana de Campinas (SP) no início da tarde desta terça-feira (11). O atirador, identificado como Euler Fernando Grandolpho, 49, entrou na igreja, sentou-se entre os fiéis e passou a disparar contra os presentes logo após o final da missa. Segundo a Polícia Militar, o atirador se matou após o ataque — ele portava uma pistola 9 mm e mais um revólver — as duas armas estavam com as suas numerações raspadas. A motivação do ataque ainda é desconhecida. Euler não tinha nenhuma passagem pela polícia. Os tiros foram disparados após a missa das 12h15.

segunda-feira, 10 de dezembro de 2018

Depoimentos de vítimas são provas suficientes sobre João de Deus, afirma Promotoria

Depoimentos de vítimas de crimes sexuais são suficientes como prova. O posicionamento é do Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO), que anunciou, nesta segunda-feira (10), a criação de uma força-tarefa para receber os relatos e investigar os casos de denúncias contra o médium João de Deus. Em entrevista nesta manhã, o promotor Luciano Miranda Meireles reforçou a necessidade de vítimas formalizem as denúncias para que possam ser investigadas. "Por enquanto, o que temos é uma reportagem de TV. Precisamos de casos concretos". Segundo ele, o depoimento pode, sim, ser o único meio de fazer a investigação, já que crimes como o de estupro não ocorrem à luz do dia tampouco têm testemunhas. "Não há por que duvidarmos dos relatos das vítimas.

Futuro ministro do Meio Ambiente responde por ação de improbidade

O ex-secretário do Meio Ambiente do governo paulista de Geraldo Alckmin, Ricardo Salles, que vai comandar o Ministério do Meio Ambiente a partir de janeiro, conforme anunciou no domingo (9) o presidente eleito, Jair Bolsonaro, responde a ação civil por improbidade administrativa, acusado de alterar ilegalmente o plano de manejo de uma área de proteção ambiental para supostamente favorecer interesses empresariais. No período em que esteve à frente da Secretaria do Estado de São Paulo – de julho de 2016 a agosto de 2017 – foi alvo de ação do Ministério Público (MP-SP), acusado de irregularidades durante a elaboração do Plano de Manejo da Área de Proteção Ambiental (APA) da Várzea do Rio Tietê, em 2016.

Em diplomação, Bolsonaro pede confiança daqueles não votaram nele

No discurso de diplomação, o presidente eleito, Jair Bolsonaro, prometeu nesta segunda-feira (10) governar para todos, sem distinção de raça, cor, renda, religião e sexo. Bolsonaro pediu a confiança daqueles que não votaram nele. Também afirmou que o voto é um “compromisso inquebrantável”. Segundo ele, a construção de uma nação mais justa depende da “ruptura de práticas que retardaram o progresso no país”, como mentiras e manipulação. “A partir de 1º de janeiro, serei o presidente dos 210 milhões de brasileiros.