terça-feira, 5 de junho de 2018

Mãe joga bebê de 4 meses no tanque e o deixa morrer na Bahia

Uma adolescente de 16 anos é acusada de matar o próprio filho, um recém-nascido de 4 meses de vida. Segundo informações, a suspeita jogou o bebê identificado como Moisés Angêlo dos Santos em um tanque de água, chegando ainda a vê-lo debater-se, fechou o local e voltou para dentro da casa - que fica no bairro Cosme de Farias, na cidade de Salvador. O crime ocorreu na madrugada desta última segunda-feira (4).
Segundo apurado pelo site Correio, a adolescente tinha discutido com o seu namorado, Edmundo dos Santos, de 52 anos, padrasto do Moisés, na noite do domingo. Ele havia pedido para ela sair do computador e ir dormir, já que na manhã da segunda (4) o recém-nascido iria ao pediatra tomar vacina. Segundo relatado pela delegada Ana Virgínia ao site, a suspeita foi dormir com raiva, acordou por volta das 2h da madrugada, pegou o bebê dormindo, jogou a criança no tanque e depois ficou olhando ele se debater na água. "Em seguida, ela tampou o tanque e foi dormir", confirmou a delegada. Ana Virgínia complementou dizendo que a adolescente conseguiu contar o caso tranquilamente na Delegacia Para o Adolescente Infrator (DAI). Ela foi apreendida e encaminhada para o Instituto Médico Legal (IML), para a realização do exame de corpo de delito. O site relata que quem encontrou a criança, já sem vida, foi o padrasto Edmundo, que dormindo não viu o que a namorada tinha feito com o próprio filho. O homem encontrou o bebê boiando na água. Eles estavam morando juntos, num quarto improvisado, há cerca de dois meses, já que o bebê tinha pneumonia e a casa da menor estava com muitas paredes mofadas.  
Com informações do site Correio